17 de jan de 2012

A rosa que chora (Rosa amarela)


Hoje, em minhas infinitas "buscas" na net, tentando me inspirar nos poemas pra criar uma imagem, achei um que me fez arrepiar... Na verdade era um grito de dor, de alguém que sofre por amor e que compara sua amada com uma rosa amarela. De certa forma é irônico, porque sempre se ouviu falar que a rosa amarela é sinal de amizade. Mas a grandeza desse poema, não está na cor da rosa e sim nas lágrimas que ela derrama. Sei que foi um desabafo, mas quero deixar meus parabéns à autora, porque nada me tocou tanto nessas últimas andanças como esse belo poema que deveria se chamar "A rosa que chora".
(Ellen Allmye)

Rosa amarela

De todas as Rosas Amarelas, 
Você a mais linda que vi. 
Hoje floresce tão longe... 
Muito distante daqui... 

Deixou no ar um perfume, 
No meu coração a saudade. 
Na minha vida a certeza, 
De uma eterna Amizade. 

Meu jardim hoje é triste, 
Falta Você minha flor... 
E nessa ausência insuportável, 
Existe a presença da dor. 

Hoje a saudade é egoísta, 
Talvez uma saudade "vulgar". 
Que não entende e não aceita, 
O vazio no seu lugar. 

Um dia, quem sabe um dia... 
Essa dor tão excessiva, 
Se transforme na saudade, 
Saudade definitiva. 

Que não é filha da esperança, 
E que me faça caminhar.. 
Sem tristezas e sem lágrimas. 
Levando Você no olhar. 

Giselle.... Gisa como vc me chamava...



Nenhum comentário:

Postar um comentário